Os municípios com potencial turístico vão participar da Feira Internacional do Turismo do Pantanal- FIT 2017,   que será realizada em Cuiabá, no período de 20 a 23 de abril,  no Centro de Eventos do Pantanal.  O evento será promovido pelo governo do estado e o trade turístico de Mato Grosso.  A feira tem como tema “turismo sustentável para o desenvolvimento”.

A Organização das Nações Unidas adotou 2017 como o ano internacional do turismo sustentável para o Desenvolvimento. Os organizadores da feira, consideram que a declaração da ONU é uma oportunidade para promover a contribuição do setor de turismo como foco econômico, social, ambiental e sustentável. O objetivo central é discutir e atualizar as informações com o suporte de especialistas por meio de conferências, fóruns e palestras que abordarão temas ligados ao setor turístico, além da rodada de negócios que visam investimentos.

Conforme um dos organizadores da FIT, Jaime Okamura, o evento promete atrair ainda mais atenção com o incremento de atividades e a participação de público. A meta, segundo ele, é consolidar a feira no calendário nacional e internacional de turismo, apresentando novos roteiros de Mato Grosso, incluindo os municípios que tem potencial turístico. “Durante o evento, cerca de 50 municípios deverão participar da exposição com stands para mostrar ao público as belezas naturais das regiões”, adiantou.

 Na avaliação de Okamura, é necessário promover a feira como espaço de apresentação dos produtos e serviços turísticos da região central do Brasil e da América do Sul. Durante o evento terá a participação das agências e operadoras de turismo que vão oferecer condições especiais para as viagens.

Além disso, a feira terá espaço para os artesanato,  gastronomia e as manifestações culturais.

O secretário Adjunto de Turismo, Luís Carlos de Oliveira  Nigro, ressaltou que o governo do estado vem priorizando o turismo como um dos pilares da economia. Ele frisou que vem sendo injetado recursos na melhoria da infraestrutura, notadamente das estradas de acesso aos principais pólos de turismo. Na ocasião, ele conclamou os prefeitos para que participem do evento e exemplificou Nobres,  que teve um crescimento acentuado do número de turistas desde a ultima FIT. “Temos três biomas importantes, Pantanal, Cerrado e Amazônia e somos privilegiados. Temos que encarar a atividade do turismo com muita seriedade. Nossa meta é transformar as cidades, levar a imagem de Mato Grosso para outros estados e países. O turismo é o melhor caminho para aquecer a economia” garantiu.

 

FONT. AMM